7 de março

Gostou? Ajude a espalhar por aí...

O biquini de fita isolante ainda não havia sido inventado, mas no ano 321, já tinha gente que adorva o sol. Constantino, imperador de Roma era uma destas pessoas: adorava o “Deus Sol Invicto”, divindade padroeira dos imperadores-soldados. E adorava tanto que em um 7 de março, proclamou que o domingo seria o dia de descanso. Valia pra todo mundo, menos para os lavradores, já que as exigências da terra não dão descanso…

Que todos os juízes, e todos os habitantes da cidade, e todos os mercadores e artífices descansem no venerável dia do Sol.

E assim o domingo virou um dia de curtição em homenagem o Deus Sol… o que explica o nome em latim – Dominicus – que significava “Dia do Senhor”… e explica também o nome em inglês – Sunday – ou “Dia do sol”.

Só não vá pensar que domingo é sempre dia de descanso e curtição. Em 7 de março de 1965, vários negros faziam uma manifestação pacífica no Alabama (EUA), indo de Selma até Montgomery, para reivindicar seus direitos de ir às urnas. A polícia agiu usando cassetetes e gás lacrimogênio para reforçar seus argumentos. Embora ninguém tenha morrido, o episódio é conhecido como “Domingo Sangrento” ou “Blooday Sunday”.

Policiais esperando a oportunidade de conversar com os participantes da marcha Selma – Montgomery, no Alabama

Só que o domingo sangrento de verdade foi em 1905, na Rússia, quando a guarda real conteve uma manifestação pacífica com tiros, matando 1.000 pessoas e ferindo outras 5.000.

E a definição “Blooday Sunday” viria a ser usada pela terceira e última vez em 1972, na Irlanda. As coisas estavam tensas. A população protestava contra medidas impostas pelo governo inglês e o exército britânico estava lá para garantir a ordem. Quando os manifestantes foram impedidos de prosseguir, jogaram garrafas e outros objetos e a polícia respondeu proporcionalmente: 14 pessoas foram mortas a tiros, cinco delas baleadas pelas costas.

Manifestantes confrontam o exército, minutos antes dos soldados abrirem fogo contra a população

E quem curte música vai saber que, em 1982, o U2 criou “Sunday Blooday Sunday” tendo este ato de covardia como inspiração. Sim, meu pequeno fã, você está certo… mas quem disser que “Sunday Blooday Sunday” foi criada por John Lennon em 1972, também está certo. Bom, o nome é o mesmo, mas a música é diferente…. e se você pensar que existem 3 “Domingos sangrentos” e 2 “Sunday Blooday Sunday”, da para concluir que já tem uns 15 minutos de conversa aqui! Pede mais uma rodada de chopp e aproveita…


Gostou? Ajude a espalhar por aí...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Post